Cadeirantes protestam em loja no Centro por falta de acessibilidade

Segundo eles, outros estabelecimentos também serão alvo, nos próximos dias, de protestos por parte de associação

 Cadeirantes se reuniram em frente à loja para cobrar rampa FOTO: JOBISON BARROS

Cadeirantes se reuniram em frente à loja para cobrar rampa
FOTO: JOBISON BARROS

Cadeirantes protestaram, na manhã desta quinta-feira (10), no Centro de Maceió, contra a falta de acessibilidade na capital alagoana. Eles se concentraram em frente a um estabelecimento na Rua do Comércio, impedindo a entrada de clientes no local, e prometeram só sair de lá quando houvesse uma resposta para o problema.

Os protestantes são membros da Associação dos Cadeirantes de Maceió, que reclamam da falta de uma rampa da entrada da loja. Segundo eles, além desse estabelecimento, outros também serão alvo, nos próximos dias, de protesto por parte do órgão, que promete se reunir para novas mobilizações.

De acordo o presidente da associação, André Dionísio, o local já havia sido notificado pela Superintendência Municipal de Controle e Convívio Urbano (SMCCU) após uma recomendação do Ministério Público Estadual de Alagoas (MPE/AL), mas não cumpriu com o determinado.

“Tanto essa loja quanto outras foram notificadas pela SMCCU durante uma fiscalização no ano passado. A gerência prometeu que solucionaria o problema ainda em 2015 e não cumpriu e, no mês passado, viemos aqui e conversamos com a gerente, que garantiu que até o dia 31 a rampa seria colocada e não foi. Por isso o protesto”, disse.

A reportagem da Gazetaweb tentou entrar no estabelecimento e conversar com o responsável, mas não obteve sucesso. A gerente informou aos cadeirantes, porém, que não poderia falar sobre o assunto e que estaria esperando o representante da franquia para resolver a questão.

Confira o vídeo do protesto:

Fonte : Gazetaweb

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *